sexta-feira, 27 de março de 2020

Como estou enfrentando a crise


Eu recebi um e-mail do Sr. IF365 perguntado como eu estou enfrentando a crise do coronavírus. Ou que talvez tenha mudado meus planos e o que eu espero do futuro em relação aos meus planos de Independência Financeira

No momento estou trabalhando em casa. Estou em teletrabalho até dia 31 de março. Depois disso voltarei a trabalhar normalmente indo de metrô. Aqui o transporte público não parou. E pelo visto aqui (DF) as coisas vão começar a voltar a normalidade aos poucos no início de abril.

Os  meus planos continuam os mesmos. Estou seguindo a minha estratégia traçada desde quando almejei a IF. Estou aportando normalmente meus rendimentos. Como sou assalariado, todo início de mês eu faço compras de ativos, ações e FII, por exemplo. Às vezes eu junto meus proventos com parte do meu salário ou faço compras no meio do mês.

O mundo já passou por várias crises e irá passar. Essa não é a última crise. Muitas virão e, a maioria não está preparada tanto financeiramente quanto em saúde. Muitas pessoas vão perder seus empregos, dinheiro, empresas e a vida. E claro, alguns vão ficar mais ricos. Nas crises muitos quebram, mas alguns expertos enriquecem. O dinheiro apenas mudam de mãos.

Eu espero que essa quarentena acabe aos poucos, pois ficar preso em casa vai matar mais do que o vírus. Claro que tudo não é só economia, mas um dia não vai ter nada para comer e não vivemos só de ar. No meu ponto de vista temos que ser cautelosos com os mais vulneráveis, mas ficar igual gado dentro de um curral não vai adiantar em nada.

O que me impressiona mais é que as pessoas estão engolindo quase tudo que a imprensa e os governantes falam. Muitos governantes estão agindo como ditadores, principalmente os governos de estados. E o povo está como ovelhas obedecendo tudo.

É isso pessoal. Vamos voltar a trabalhar, pois daqui a uns dias o povo vai começar a morrer não de vírus, mas sim de fome.

Abraços,
Cowboy Investidor
Leia Mais ››

segunda-feira, 23 de março de 2020

Voltando de férias e estratégia de investimento nesta crise


Depois de alguns dias de férias e sem postar por aqui estou voltando a normalidade. Bem, nem tanto, pois o coronavírus está a todo vapor e muitos países continuam a trabalhar tentando conter esse vírus que está deixando todo mundo assustando. 

Aqui na minha cidade quase tudo está fechado, mas muitos continuam trabalhando. Eu mesmo voltei e estou indo trabalhar de metrô. Não está muito cheio, mas tem bastante gente. Como a maioria dos leitores sabem, eu sou servidor público federal. Lá eles só liberam teletrabalho para pessoas consideradas de risco (acima de 60 anos, gestantes, com problemas respiratórias, etc). No meu caso dá para eu trabalhar em casa, mas sabe como são esses chefes arcaicos.

Vamos ver se o presidente do órgão irá liberar todos para trabalhar em casa, já que trabalhamos na parte administrativa e o atendimento ao público está fechado.

Voltando a falar em ações. Eu aportei durante este mês 3 vezes, comprei ações em queda, mas elas continuam caindo. Ninguém sabe onde vai ser um fundo do poço. Vou seguir a minha estrategia e aportar todos os meses. 

A minha estrategia neste momento é aportar naquelas ações que caíram mais de 40% este ano. Tenho ações que caíram mais de 50% este ano, por exemplo, Bradesco, Santander, Cogna. Como estou exposto muito a renda variável, a queda foi grande, mas estava menor que a Ibovespa no dia que olhei.

Estou firme na estrategia Buy and Hold e aportar independente da queda, já que tenho ações que as considero boas. 

É isso pessoal. Espero que o mundo volte ao "normal" o mais rápido possível. 

Abraços,
Cowboy Investidor
Leia Mais ››

segunda-feira, 16 de março de 2020

Proventos Recebidos - Fevereiro de 2020

Mais um mês de proventos que vieram acima de 1k. Pelo meus cálculos a média vai ser acima de 1k.

Mês de março muito conturbado por causa do petróleo, coronavírus, etc. A bolsa derreteu e meus ativos acompanharam. Exceto as elétricas. Nem estava sabendo que a bolsa estava caindo, pois estava em viagem, mas alguns colegas me falaram por whatsapp.

Foi até bom eu receber essa mensagem, pois deu para eu investir o que tinha recebido de proventos. Como faço meus aportes no início do mês eu não aproveitei muito essas quedas para comprar mais. 

Depois disso eu continuei curtindo minhas férias e nem perguntei o que eles fizeram.

Aos poucos meus proventos vão aumentando. Sempre é bom manter o foco e continuar aportando firme, pois para atingir a IF com aportes medianos o caminho é mais longo e leva um bom tempo.

Como há variações de pagamentos nos meses. O meu foco é mais no crescimento anual. E isso está ocorrendo muito bem. Também devido ao meu aumento de patrimônio com aportes constantes.

Proventos Detalhados


Proventos de Fevereiro: R$ 1.154,84
Proventos Totais ano 2020: R$ 2.629,88

Proventos Totais: R$ 23.453,32

Progresso dos proventos mensais e anuais em gráficos       






 Os proventos são reinvestidos todos os meses como o objetivo de formar a bola de neve.

Atenciosamente,
Cowboy Investidor
Leia Mais ››

domingo, 1 de março de 2020

Atualização do Patrimônio Financeiro - Fevereiro de 2020: R$ 334.275,81

Segundo fechamento do ano. No fim do mês de fevereiro a bolsa  caiu muito devido a histeria por causa do coronavirus. E com isso quase todas as minhas ações caíram. Vi que algumas ações caíram muito e vou aproveitar para aumentar a quantidade.

O aporte desse mês foi fraco. Nos próximos meses espero que volte ao normal. Aportes por volta de 6k. Por enquanto a minha carteia continua vermelha. Este ano ainda não ficou no azul.

O aporte do mês de janeiro foi em ações e FII.

Aporte em Ações: R$ 3.155,00
Aporte em FII: R$ 1.452,00
Aporte Total: R$ 4.567,00



Rentabilidade detalhada


Ações: -7,36%
FII: -4,00%

A evolução do patrimônio segue firme. Com aportes constantes, reaplicação dos proventos e rentabilidade, a evolução do patrimônio está indo bem.

Hobbies 


Estou seguindo firme nas corridas, flexões e abdominais.

Esse mês toquei pouco violão de novo, mas a leitura de livros continua firme. Já li muitos livros. Em breve vou indicar alguns.

Os estudos de idiomas (inglês) estão menos intenso. Porém, estudo todos os dias um pouco.

Abraços,
Cowboy Investidor
Leia Mais ››

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2020

Meu maior erro financeiro

 

Eu nunca cometi muitos erros financeiros durante a minha vida. Desde que comecei a ter dinheiro cometi poucos erros financeiros. Sobre investimento mal feito em ações eu não conto, pois considero como aprendizagem. Cometi pouco e quase não impactou nada na minha carteira.

Financiamento de carro


Quando entrei no serviço público há 5 anos eu não juntei toda a grana para comprar o carro e decidi financiá-lo. Foi apenas "20 parcelinhas" de mil e poucos mais uma entrada. No total eu paguei quase 35k. Pelo menos eu não fui mais burro em financiar um carro novo.

Eu sempre fui pé no chão, mas quando entrei no serviço público com um salário 3x mais ao anterior eu me empolguei, não juntei toda a grana para a compra do veículo e ansiedade me fez pagar juros para o banco.

Eu fiquei com esse carro por 2 anos e decidi vendê-lo, pois ele ficava mais na garagem. Na época o vendi por 23,5k. Bem abaixo do valor que era por volta de 28k. Aqui eu nem estou colocando os custos que tive. Para quem quiser saber mais clique aqui sobre a postagem que fiz sobre a venda do carro.

A lição que eu tiro disso é:  não vale a pena financiar. Junte dinheiro primeiro e depois compre. Vejo muitas pessoas financiarem carros e pagarem um absurdo de juros. No meu ponto de vista só vale a pena financiar se for extremamente necessário. E que muita das vezes não é. Muitos compram para status.

Uma outra lição que tiro é que não se empolgue quando seu salário dar um salto muito grande. Eu comprei esse carro mais pela empolgação. Deveria ter juntado a grana primeiro. Depois de alguns dias vi que tinha feito besteira. 

Ah! Quase ia me esquecendo. Se eu considerar o investimento Boi Gordo como meu maior erro financeiro. O qual gerou uma novela mexicana no início deste ano. Logo esse que eu descrevi não é nada. 

Qual foi o seu maior erro financeiro?

Abraços,
Cowboy Investidor
Leia Mais ››

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2020

Proventos Recebidos - Janeiro de 2020

Primeiros proventos do ano de 2020 vieram muito bom. Acredito que este ano irei receber muito devido a minha exposição maior em empresas boas pagadoras de dividendos. Também estou aumentando a minha posição em FII's.

De agora em diante os proventos estarão detalhados. Ou seja em ações e FII's.

Aos poucos meus proventos vão aumentando. Sempre é bom manter o foco e continuar aportando firme, pois para atingir a IF com aportes medianos o caminho é mais longo e leva um bom tempo.

Como há variações de pagamentos nos meses. O meu foco é mais no crescimento anual. E isso está ocorrendo muito bem. Também devido ao meu aumento de patrimônio com aportes constantes.

Proventos Detalhados


Proventos de Janeiro: R$ 1.475,04
Proventos Totais ano 2020: R$ 1.475,04

Proventos Totais: R$ 22.298,48

Progresso dos proventos mensais e anuais em gráficos       




 Os proventos são reinvestidos todos os meses como o objetivo de formar a bola de neve.

Atenciosamente,
Cowboy Investidor
Leia Mais ››

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2020

Cuidados ao investir com pouco dinheiro

Eu sou a favor em começar a investir com pouco dinheiro. Ter o hábito de poupar é saudável para toda pessoa. Quem tem esse hábito fica muito triste se algum mês não puder investir. Isso não aconteceu comigo depois que comecei a investir de verdade.

Umas das coisas que podem atrapalhar quem investe por volta de R$ 1000,00 ou menos são as cobranças de Ted/Doc e corretagem. Felizmente hoje você pode se livrar dessas duas cobranças. Há bancos que não cobram por transferências e corretoras que a corretagem é zero. 

Estou falando de investimentos em Renda variável que geralmente é cobrada corretagem, mas algumas corretoras já não cobram mais para negociar FII's e Tesouro Direto. E se pesquisar um pouco é possível encontrar as que não cobram nada para negociar ações, por exemplo, a Clear.

Um exemplo de uma pessoa que poupa R$1000,00 ao mês para investir em ações durante 1 ano tendo 1% de aumento ao mês.

Na 1ª simulação é sem cobranças, na 2ª, é com uma cobrança de R$ 10,00 e na 3ª, duas cobranças de R$ 10,00 (transferência e corretagem). Eu não considerei despensas como emolumentos e impostos nessa simulação.   




Como pode-se ver. Se pagar apenas R$ 10,00 a diferença no montante final é de 12.682,40 - 12.555,61 = 126,39. Já nas duas cobranças é de 12.682,40 - 12.428,76 = 253,64. Esses números não parecem muito para quem aporta muito, mas para quem investe pouco é uma boa grana. 

Na minha opinião é não deixar de investir e procurar pagar menos por taxas. E claro, procurar aumentar a renda através de empreendedorismo, formação melhor, concursos, etc.

Abraços,
Cowboy Investidor
Leia Mais ››