quinta-feira, 21 de março de 2019

Como trabalhar com confinamento - Projeto boi gordo


Como falei aqui no blog. Eu estou em um negócio de engorda de gado. Alguns leitores do blog pediram para eu falar com mais detalhes. Estamos trabalhando com gado confinado. Ou seja, o gado se alimenta apenas na cocho. Eu fiz uma postagem sucinta sobre investir em gado. Clique aqui para ler.

Eu não vou detalhar tudo, por exemplo, como gradear a terra, quais adubos, tipos de milhos. Vou descrever de forma sucinta, mas que dá para o leitor entender.

Eu não trabalho diretamente com o gado. Eu apenas estou investindo um pouco de dinheiro. Trabalho com meu irmão e é ele que põe a mão na massa. Trabalhos com engorda de vacas. Fizemos um teste com bois, mas o lucro não foi bom. Então, decidimos exclui-los. 

O que é necessário para esse investimento?


Somos pequenos, então o jeito nosso de trabalhar é um pouco diferente dos grandes pecuaristas.

Na verdade, quem fez os cochos, a fórmula da ração (um veterinário passou para ele), o cercado, as compras e as vendas foi meu irmão. Eu entrei com um pouco de dinheiro e dou algumas dicas. Ele também investe com a grana dele também.

Para quem quer começar pequeno necessita de:


  • De terra (própria ou arrendada). No caso de confinamento a terra não precisa ser grande. 4 hectares já dão para plantar e fazer um cercado para o confinamento. Pode ser menor também, vai depender da quantidade que você quer começar. Com 4 hectares geralmente dá para engordar cerca de 100 vacas. 
  • É necessário ter água a vontade para o gado no cercado do confinamento.
  • Aplicar um remédio no gado para não adoecer com alguma poeira ou alguma reação alérgica da ração. Nesse caso os remédios são baratos. Meu irmão aplica apenas o remédio para as vacas não adoecer por causa da poeira.
  • De cochos. Esses você pode comprar ou fazer. Dá para fazer com madeira, tijolos ou tambores plásticos.
  • Sal mineral.
  • Ureia.
  • Fubá de soja (Não é obrigatório).
  • Uma balança pequena.
  • Desintegrador (se você for plantar o milho).
  • Um tratador, caso você não possa trabalhar.
  • Comprar vacas magras e vendê-las gordas. Nesse caso é bom ter parceria com alguém que compra/vende. Aqui você decide qual é a sua estratégia.

Plantamos milho sorgo para fazer a silagem e o milho (normal) para fazer o fubá (aqui fazemos com a espiga). Se você não quiser plantar o milho. Pode-se comprar o fubá também (faça as contas para ver se compensa). 

Não plantamos soja. Então, compramos o fubá. 

Para plantar o milho sorgo e o milho (normal) você precisa gradear a terra. Dependendo da terra é bom aplicar adubo para a plantação nascer e crescer saudável. Você pode pagar uma pessoa para gradear a terra e plantar caso não tenha trator. A hora trabalhada custa por volta de R$ 100,00 A R$ 120,00.
 
O milho sorgo fica bom para a silagem em torno de 60 dias. Já o milho demora um pouco mais para ficar pronto para o fubá. Cerca de 3 a 4 meses.

Para fazer a silagem do milho sorgo é necessário ter um trator com maquinário. Há muitas pessoas que prestam esse serviço. Então, você não precisa ter essas máquinas, apenas contrate e pague a hora. Na minha região a hora trabalhada custa por volta de R$ 120,00.

Depois que tiver tudo pronto. É hora de colocar as vacas para engordar. Aqui você vai fazer uma mistura da ração que você vai dar para as vacas. 

A mistura é essa. De graça a fórmula secreta.

Em um total de 5 KG. Isso é por dia.

75% de milho (fubá)
20% de soja (fubá)
4% de sal mineral
1% de ureia

Esses 5 KG são para apenas uma vaca, boi, etc.

Geralmente uma vaca come 20 quilos de ração por dia. Então, você mistura os 5 quilos em 15 quilos de silo (do milho sorgo), por exemplo.
Se você tiver 10 vacas para engordar, por exemplo, misture os 50 quilos em toda a ração (silagem).

Não é necessário usar a soja (fubá). Usamos no início e depois paramos e os resultados praticamente foram os mesmos.

Há várias maneiras de engordar gado em confinamento, por exemplo, alimentar apenas com milho puro. Estude um jeito melhor, peça orientações para algum profissional e veja qual é melhor para ti.

As vacas geralmente ficam gordas entre 30 dias a 60 dias. A média nossa é em torno de 45 dias. Algumas ficam gordas em menos de 30 dias, mas são raras.

O que eu escrevi aqui é baseado no nosso confinamento. E trabalhar com isso não é para qualquer um. Pode ter muitos lucros ou prejuízos. Quem não tem nenhuma experiência com gado, terras, é bom consultar um especialista do ramo.

Abraços,
Cowboy Investidor

26 comentários :

  1. Fala Cowboy! blz? Vou fazer um manejo esse ano com minhas vacas. Estava engordando umas novilhas (a pasto) e fazendo o giro anual, mas meu pai acabou misturando o gado com o dele e resultado, das últimas 9 que coloquei todas emprenharam kkkkkkkkkk. Agora esperar apartar as crias, fazer um bom $ com os bezerros e tentar repetir a engorda, comprando bezerras nelore misturadas com Guzerá e fazer o giro anual aqui no Maranhão. Forte abraço e sucesso com sua fábrica de carne.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Kleber,

      Legal. Engordar no pasto da menos trabalho. Só que demora engordar em comparação ao confinamento.
      A raça do seu gado é boa.

      Abraços!

      Excluir
  2. Boa Cowboy!
    20kg por dia? caramba, mt mais do que eu imaginava.
    Coloca o milho pra moer com a espiga e tudo? e aquela folha que envolve a espiga acho que dá pra vaca comer tb né? abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá FS,

      20 kg é para são os maiores, mas geralmente é por volta de 15 kg a 20 kg.
      Sim, a espiga com a folha para moer. Vacas também comem a folha, mas nesse caso moemos tudo.

      Abraços!

      Excluir
  3. Olá, muito enriquecedora sua explicação, é um tema que me fascina, apesar de ter crescido no cimento, sempre tive um encantamento pela terra, vivi 35 anos na selva de pedra e atualmente estou em uma cidade do interior com seus 40 mil hab. Aqui a galera lida mais com leite, porém o índice de roubo de animais é muito alto, o que me deixa com o pé atrás com a área. Penso em arrendar um espaço e ver alguma linha de crédito no BB, e vou conhecer a dinâmica dos leilões por esses dias.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anônimo,

      Obrigado pelo comentário. Na minha região o pessoal trabalha mais com leite também. Lá não tem roubos de gados. Isso é uma coisa boa.

      O BB empresta dinheiro com juros baixíssimos.

      Abraços!

      Excluir
  4. Fala CI,

    Quando eu era criança sempre ia passar as férias na fazenda do meu padrinho, tempo bom, sempre tive vontade de lidar com gado, confinamento é uma coisa que sempre achei interessante, embora alguns digam que o gosto da carne é diferente quando o gado é confinado...
    De qqr forma eu gosto bastante da ideia e sua ração não vai hormônios, o grande mal do século
    Boa sorte na empreitada

    Abç

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá PM,

      Obrigado pelo comentário. Eu também gosto da roça.
      Eu não sei se a carne é diferente. Até hoje não senti a diferença.

      Abraços!

      Excluir
  5. Parabens pela postagem!!!! Na epoca que meu avô era vivo faziamos este projeto boi gordo, além de alugar algumas pastagens. Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gari,

      Obrigado pelo comentário. Dá para ganhar muita grana com gado. E é o que pretendo.

      Abraços!

      Excluir
  6. muito bom, obrigado

    nessas horas dá vontade de comprar um sítio e transforma-lo em um negocio rentável ao longo dos anos.

    abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá ST,

      Pois é, se você tem vontade vá em frente.

      Abraços!

      Excluir
  7. Interessante o assunto, não sabia nada de criação de vacas para engorda.
    Incrível, todo dia descobrimos que não sabemos de quase nada nesta vida.
    Parabéns

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá CP,

      Sempre estamos aprendendo durante a nossa vida.

      Abraços!

      Excluir
  8. Fala Cowboy!

    Muito bom pelo post! Eu moro em cidade pequena do interior, tenho algo em mente daqui uns anos, já deu pra dar uma ideia legal.

    Abraços e sucesso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá SB,

      Você pode virar um fazendeiro aí. Vá em frente.

      Abraços!

      Excluir
  9. Eu tenho vontade de ter um hotel fazenda na minha cidade natal. O problema seria a administração a distância.

    Eu não tenho nenhum conhecimento como as coisas funcionam na roça, mas parece ser interessante investir em animais, pois é um setor primário que vai sempre existir demanda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anônimo,

      Hotel fazenda acho que é um bom investimento, mas é uma coisa cara para começar.

      Vai sempre vai existir fazendas, só que a tendência é as grandes fazendas, mas existirão pequenas também.

      Abraços!

      Excluir
  10. Cawboy, cuidado... A atividade agropecuária é muito complexa e arriscada! Você controla pouca coisa e, praticamente, é um tomador de preços. O mercado é concentrado por parte das empresas de fornecimento de insumos e de compra dos produtos rurais. Com isso, as margens são muito apertadas, frente aos riscos assumidos. Ainda bem que seu irmão estará na frente, pois seria muito difícil cuidar dos animais com a dedicação necessária estando longe do local de produção. A ideia do confinamento encanta, mas o custo é elevado e necessita de escala de produção. Tem que ter muito controle. Estou sendo franco meu caro, conheço o ramo. Não me entenda por outro lado, como eu sendo um pessimista.A gente apanha tando da vida que vai aprendendo e perdendo a inocência aos poucos. Preserve seu patrimônio com unhas e dentes. Comece devagar... Vejo que você é um cara lutador e com vontade de crescer (em todos os sentidos). Roça/fazenda não é uma atividade fácil, apesar de ser muito gostosa a lida no campo. Um grande abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Unknown,

      Obrigado pelo comentário. Estou ciente dos riscos. Estou nesse negócio sabendo que posso perder ou ganhar. Como também em investimentos financeiros. É só uma forma de diversificar meu dinheiro.

      Abraços!

      Excluir
  11. Cowboy, muito interessante esse seu negócio!! É algo totalmente diferente do que estamos acostumados a ver nas grandes cidades. Uma dúvida: Qual a margem de lucro em cada vaca? imagino que seja bastante alto os custos de alimentação de cada animal+despesas extras como vc citou de maquina, vacina etc

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anônimo,

      Sim, é bem diferente.
      Em média a margem bruta é de 30% entre 30 a 45 dias. Líquida eu não sei direito, mas não sei quanto é. Não é muito baixa.

      Abraços!

      Excluir
  12. Olá cowboy, parabéns pelo post e pelo investimento também estou investindo em gado, comecei à pouco mais de ano, meu gado é voltado para produção de leite e crio à pasto, compro bezerras, novilhas e vacas solteiras para vender vacas paridas, estou pensando em investir em gado mais comercial esse ano comprar em setembro/outubro e vender em fev/mar/abril/maio que são os períodos de pico em minha região. Pergunta seu irmão se ele conhece o BRS Capiaçu que uma variedade de capineira que a Embrapa criou uma excelente opção pra silagem e picado.
    Boa sorte em seus negócios. Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anônimo,

      Obrigado pelo comentário.
      Eu não sei se ele conhece, mas ele plantou um capim parecido com esse daí e vai fazer silagem com ele.

      Abraços!

      Excluir
  13. Cowboy, a engorda seria de boi ou de vaca ? Fiquei confuso. Sabemos que vaca consome muito mais que boi, o por que mudaria ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Yuri.

      A engorda é de vacas. Vaca leiteira que consome muito. As outras consomem bem menos.

      Abraços!

      Excluir