quarta-feira, 28 de novembro de 2018

Milionário, mas sem dinheiro


Provavelmente muitos que estão lendo este post conhecem alguém que tem um patrimônio alto, mas não tem dinheiro. Muitos podem perguntar. Como assim? A pessoa tem um patrimônio alto mas não tem dinheiro? Sim, existe e muitas.

Muitas pessoas tem uma casa que o preço dela é mais de 1 milhão de reais, mas essa pessoa não tem quase ou nada de dinheiro. Vive de salário em salário. Alguns podem ter uma ou mais casas de aluguéis e que estão sem inquilinos e podem ficar sem dinheiro também caso ela não invista em algo por fora.

É muito comum pessoas que moram na roça terem muitas terras, mas não terem nada de dinheiro. Não usam a terra para nada. Conheço gente que tem propriedades que valem milhões, mas essas pessoa não tem um centavo no bolso. Não sabe aproveitar o patrimônio que tem.

Com a grana que eu tenho eu não compraria um imóvel, pois meu dinheiro vai ficar imobilizado em apenas uma coisa. E um imóvel tem uma liquidez muito baixa. Muitas pessoas se ferram por não fazerem um bom planejamento financeiro. Não tem reserva de emergência, não fazem investimentos que tem liquidez "imediata" ou com poucos dias. Não há nada de errado em investir em imóveis, terras, etc, mas ter um plano é essencial. Para mim investimentos em terras são uns dos melhores, pois se pode explorar a terra de várias maneiras.

Minha opinião. Se eu morasse em uma casa que valesse 1 milhão ou mais e não tivesse dinheiro e um salário baixo eu a venderia e compraria uma menor e investiria uma parte em ativos financeiros. Porém, acredito que praticamente ninguém faria isso, pois muita gente não quer baixar o status ou padrão. Sendo que nesse caso o padrão poderia até aumentar. 

Esse meu conselho de vender e investir uma parte pode ser meio burra. O essencial mesmo é a pessoa procurar aumentar seus rendimentos, como: criando um negócio, um emprego que paga mais.

Então, a conclusão é: seja líquido. Não coloque todo seu dinheiro em algo que tem baixa liquidez.

Abraços,
Cowboy Investidor

38 comentários :

  1. Realmente Cowboy essa situação é muito comum no Brasil, especialmente entre pessoas com mais de 40 anos.
    E como você citou em áreas rurais também é muitos comum. Pessoas aparentemente humildes, com pouco dinheiro vivo, mas com terras que em alguns casos valem milhões, mas essas propriedades foram compradas em geral a décadas, ou são heranças ou mesmo um aglomerado de terras que foi sendo adquirido aos poucos, também ao longo de décadas, isso somado a uma valorização considerável de terras em boa parte do território nacional, resultou em grandes patrimônios.
    É até interessante ver pessoas com baixo grau de instrução, que muitas vezes vivem de maneira simples e pouco ou nada sabem sobre investimentos em RV e afins, terem patrimônios que muitos pós graduados, metidos a especialistas nem sonham em ter.

    O lado ruim que as vezes ocorre é que patrimônios como esse são dilapidados, por sucessões familiares (herdeiros) que torram patrimônio com Amaroks e Hillux, churrascadas, viagens e putaria, sem nenhuma responsabilidade com as consequências, pessoas que pensam que dinheiro é eterno.
    Outro fato não raro: Donos desse patrimônio se envolvem com todo tipo de mulher interesseira, tem amantes, filhos fora do casamento e por aí vai, o resultado são divórcio com perda de patrimônio, pensões e todo tipo de complicação já sabido.
    Quem tem patrimônio em forma de terra e souber tocar, vender parte pra investir em algo ou mesmo utilizar a terra para produção agropecuária, dificilmente ficará pobre.
    Desde que não fique fazendo algumas cagadas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anônimo,

      Muito bom seu comentário. Isso que você escreveu é verdade. Conheço algumas pessoas na roça que torram toda a herança e vivem de migalhas.

      Abraços!

      Excluir
  2. Acho que a maioria das pessoas se sente muito mais segura vendo seu patrimônio aplicado em algo palpável, prefere ver milhões de reais investido em terras doque em papéis do Itaú por exemplo... o grande problema como vc falou é a falta de liquidez, se mal planejado ter que se desfazer de um imóvel as pressas é certeza de prejuízo. No final o importante é que seu dinheiro esteja aplicado em algo que te deixe dormir a noite!rs

    Sr. IF365
    www.srif365.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Sr. IF365,

      É bom ver um patrimônio palpável, mas não desfrutar desse patrimônio ou na hora que precisar não poder contar com ele não acho uma opção muito inteligente. É bom ter um pouco de liquidez também.

      Abraços.

      Excluir
    2. Cowboy e Sr IF365!

      Concordo com vocês dois. Acredito que como tudo na vida, precisamos ter bom senso e equilíbrio. Talvez por isso também que muita gente fala aquela velha máxima: "nunca coloque todos os ovos na mesma cesta", logo, essa estratégia funciona como proteção contra os riscos inerentes de qualquer negócio, assim como a possibilidade de ter liquidez e solidez, pois quando um ativo está imobilizado, outros estarão circulando com maior facilidade.

      Forte abraço do Sou Poupador! TMJ! =)

      Excluir
    3. OLá SP,

      Muito obrigado pelo comentário.
      Verdade, tudo depende de um equilíbrio.

      Abraços.

      Excluir
  3. Concordo contigo Cowboy! Aliás, mudar meu padrão de vida tempos atrás foi a atitude mais determinante para alcançar a IF. E olha que "mudar", não significa "baixar". É só a gente ver o que realmente interessa nessa vida.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá André,

      Muito obrigado pelo comentário. Você fez uma coisa boa e ainda melhorou sua vida e hoje desfruta da IF. Parabéns!

      Abraços.

      Excluir
  4. Perfeito Cowboy. Ótimo post. As pessoas não querem diminuir o padrão.
    Querem manter o status de ter terras, casarão. Por outro lado se ficarem líquidas, de tão consumistas, gastarão este dinheiro ao invez de investir. A manada está tão bitolada que é difícil até aconselhar a fazer o que vc disse pois tem gente que só sabe é "torrar" !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado AA40 pelo comentário.

      Pois é, vejo uma família que tem 2 pessoas em casas enormes e nada de dinheiro no bolso. Está mais para status mesmo. Bem melhor ter dinheiro e morar em casa boa, mas não tão grande e não ter dinheiro.

      Abraços!

      Excluir
  5. Meus pais moram numa casa grande, com bastante terreno.
    Em 2013 uma construtora ofereceu a ele 500k mais 3 apartamentos num condomínio que seria construído no local. Ele e minha mãe são aposentados, mas ele continua trabalhando. Por apego besta à casa ele não aceitou a proposta, fica com aquela coisa da casa que ele construiu, que a família morou, muitas lembranças, blá blá blá.
    Eu falei a ele pra vender, com o dinheiro comprava um ap de 2 ou 3/4 num condomínio bom, só pra ele e minha mãe, não precisa de ap grande. Quando recebesse os 3 aps, vendia, pela região acredito que cada um valeria hoje mais de 400k.
    Hoje já não aparecem mais as mesmas ofertas. Ele tá lá numa casa enorme, com um custo altíssimo. Ele com mais 60 anos. Daqui a um tempo vai parar de trabalhar. Viver de aposentaria do inss e de um apartamento que tem alugado a 1200 reais e que dá dor de cabeça toda vez que desocupa. Pior é que meu pai é contador, trabalhou a vida inteira em grandes empresas. Ele agora pensa em vender a casa pra morar num sítio quando aposentar, agora que o boom passou. Foda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anônimo,

      Que história! Seu pai vacilou demais. Hoje estaria com mais grana e uma vida bem mais confortável. Ser apegado as coisas é ruim porque poderá fazer besteiras que podem afetar o futuro. Tomará que ele consiga uma boa grana numa futura venda.

      Abraços!

      Excluir
  6. Eu tento tirar o imóvel no meu cálculo de patrimônio. Fica apenas no IRPF.

    Pra mim, investimento é tudo que é palpável, digo dinheiro vivo. Posso até ter dinheiro travado numa LCI/LCA, mas está lá e posso negociar até no mercado secundário. Imóvel eu uso para morar, logo, ele sai da conta da minha planilha pessoal.

    E sobre o valor, é algo bem particular. Eu comprei o meu imóvel a vista tem um pouco mais de 1 ano. Foi difícil e poderia queimar todo meu investimento para comprar algo top dos tops... mas pensei bem e resolvi comprar o que me atendia.

    É um imóvel até que grande (3 dorm.), localização razoável e considero bonito. Custou 1/3 do meu patrimonio, e consigo dormir tranquilo a noite por deixar uma boa parte do meu dinheiro livre - ou melhor, investido!

    Foi o que falei. Poderia ter comprado um beeemmm melhor, mas escolhi a segurança financeira. Imóvel é paixão, mas minha compra foi inteiramente racional.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lúcio.

      Também não coloco imóveis em meu patrimônio líquido.
      Você fez uma coisa boa. Comprar uma coisa grande só para ter status é besteira. Dou mais valor em dinheiro vivo.

      Abraços!

      Excluir
  7. EU sempre penso nem 8 nem 80 se tem um imóvel de 1MI vendo pego um uma casa de 300k na permuta enfio 700 na poupança mesmo ,depois vou aportando em FII, tesouro ,LCI LCA CDBs talvez alguns terreno ou casa pronta preferencia germinada ,coisas do tipo.
    Mais essas pessoas que passaram pelo confisco da poupança ,hiperinflação , nos filmes americanos sempre perdem a casa , o brasil é cheio de golpe da até medo mexer no que está quieto.
    abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá SM,

      Essa sua estratégia eu também faria. Bem melhor ter grana no bolso.

      Abraços.

      Excluir
  8. Legal a reflexão Cowboy!

    Realmente, conheço muitas pessoas assim.

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá FEI,

      Obrigado pelo comentário.
      Pois é, há muito mesmo. E o problema é que nem pensam em uma possibilidade de liquidar uma parte para ter dinheiro vivo.

      Abraços!

      Excluir
  9. Concordo, diversificação é fundamental.

    Hoje possuo um geminado proprio, um terreno que comprei pra investimento, os dois totalizam 50% do patrimonio atual, a outra metade esta em RF, RV, e afins :D

    Mas confesso que mesmo sabendo que RF, RV, e afins me trazem mais liquidez, estou doido para comprar mais um terreno. Parece que da uma sensação de sucesso financeiro maior. Todo dia brigo comigo mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá SNM,

      Ter vários imóveis é o essencial. O problema é quando se tem todo o patrimônio em apenas um. E
      Eu não sou fá de terrenos. Não tenho casas, mas se prefiro uma casa para aluguel a terreno, mas cada um sabe o que faz com o seu dinheiro.

      Abraços.

      Excluir
  10. Realmente muitas pessoas estão nesta situação. O apego aos bens materiais pode ser devastador, é como foi citado, as pessoas muitas vezes nem cogitam vender pela historia que o imovel representa para familia, torna-se um enorme bloqueio financeiro.
    Abraço

    www.vidasagaz.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá VS,

      Pois é, o apego faz a pessoa fazer muita merda. Vale para qualquer área. O negócio é ser desapegado. rsrs.

      Abraços!

      Excluir
  11. Excelente post, concordo com ele. Eu prefiro investimentos que gerem renda, como ações e fundos imobiliários, assim posso viver onde eu quero e ainda usar o dinheiro da renda para viajar.

    Abraço e bons investimentos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá DIL,

      Obrigado pelo comentário. Esses investimentos que você citou são bons também. Agora ter várias casas ou um prédio com vários apartamentos também dá para ter uma boa renda.

      Abraços.

      Excluir
  12. Realmente essa situação é comum quando a pessoal possui imóveis residenciais de alto valor e até fazenda mas não tem renda mensal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá BF,

      Pois é, o "erro" não é ter, mas deixar uma coisa que grande sem liquidez e tendo pouco dinheiro.

      Abraços!

      Excluir
  13. Troco qualquer investimento por imóveis e terra. Não recomendo a ninguém que o faça, mas até nunca vi nada que se compare.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cowboy Investidor30 de novembro de 2018 07:47
      Olá CF,

      Esses dois investimentos é um dos melhores, pois você tem controle sobre eles. O problema é ter e não saber usá-los. Muita gente tem terras, mas não sabe desfrutar dela.

      Abraços!

      Excluir
  14. Na minha cidade natal tem uma família que tem muitas fazendas valiosas, eles vivem "apertados", negócios que antes eram rentáveis estão indo à falência. Eles não vendem nem produzem nessas terras. Provavelmente só quando os patriarcas morrerem os filhos vão vender e dividir a herança.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá IC,

      Eu fico muito puto de ver uma pessoa com um monte de terra boa e ficar apertado. Na minha cidade natal acontece o mesmo que você relatou.
      Geralmente os filhos vendem tudo e torram com cachaças e ficam quebrados.

      Abraços!

      Excluir
  15. Fala Cowboy!

    Aqui onde moro, tem vários casos assim, sítios com várias terras improdutivas ou 'abandonadas' e os donos não fazem nada de produtivo no sitio.

    Mas é vdd, temos que ir diversificando o nosso patrimônio, eu tenho um terreno, mais pra frente pretendo ter alguma casa de aluguel.

    Abraços e sucesso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá SB,

      Isso é normal em toda parte do Brasil. As pessoas não procuram estudar para ganhar uma grana com as terras que tem e ficam reclamando.

      Muito bem, casas de aluguéis são um bom investimento.

      Abraços!

      Excluir
  16. Artigo do Top 5 de semana
    https://www.facebook.com/notes/aposente-aos-40/top-5-semanal-23-a-30-nov-2018/2148956235358237/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá AA40,

      Muito obrigado. Fico honrando por saber que tenho um post na sua lista.
      A porcaria do Facebosta me bloqueou. Tá foda essa rede social.

      Abraços!

      Excluir
  17. Muito bom , uma vez vi em um artigo no qual era dado nome aos "milionários sem dinheiro" de milionários econômicos , os milionários com investimentos líquidos de milionários financeiros , não me lembro mais onde vi tal artigo , conceito parecido com o sua publicação .

    Guto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anônimo,

      Pois é, existem muitas pessoas assim que são milionários no papel, mas sem um puto no bolso.

      Abraços!

      Excluir