segunda-feira, 14 de maio de 2018

Qual foi o seu primeiro investimento?

Algumas pessoas começam a investir desde novo já outras quando estão adultas e outras praticamente não investem. Nesse caso estou falando de investimento financeiro, imóveis, gados, etc. Não vou entrar em investimentos como educação e outros similares. Vou contar uma historinha como eu comecei.

Eu comecei a investir quando era criança. Na verdade foi com ajuda de meu pai, pois pela minha idade que na época era de 6 anos eu não tinha saberia em fazer um negócio 100% sozinho, mas já tinha sabedoria em reconhecer o que meu pai estava fazendo.

Na zona rural, geralmente os afilhados ganham presentes de seus padrinhos. E no meu caso eu ganhei um leitão da minha madrinha. Tive a sorte de ter pais que não comem as coisas dos filhos. Falo isso porque eu conheço muitos pais que vendem as coisas dos filhos, meu pai que é padrinho de várias pessoas já "cansou" de presentear seus afilhados e os pais deles comem tudo, em vez de começar fazer um patrimônio para o filho.

No meu caso, meu pai engordou o leitão e vendeu. Ele ficou com o dinheiro, mas me deu uma bezerra quando uma vaca dele pariu. Eu lembro disso com perfeição, parece que foi ontem. Era uma bezerra castanha e tive a sorte dela não morrer e parir várias vezes. E claro, suas filhas também pariram, assim aumentado a quantidade de animais.

Antes de eu sair da roça para ir estudar eu comprei algumas vacas, mas o que me ajudou foi o primeiro investimento. Esse investimento foi o que me ajudou a bancar meus estudos. Nem sei se estaria hoje aqui escrevendo se não fosse isso. 

Eu fiquei muito puto depois que me formei, pois tinha gastado todo o meu patrimônio e só tinha um diploma e nem um centavo no bolso. Comei a trabalhar em empregos que remuneravam pouco e não sobrava quase nada para investir. Olhava para o passado e era mais pobre em comparação quando eu tinha 18 anos.

Porém tive a "sorte" de entrar no sistema e virar servidor público, e foi isso que me salvou da minha frustração de ter jogado tudo fora.

Eu contei essa história para abrir a mente das pessoas que é possível investir com pouco e que no longo prazo o patrimônio tende a ser grande. O Investidor Inglês fez um ótimo estudo de caso mostrando que investir com pouco dinheiro é possível ter um ótimo patrimônio no longo prazo. Clique aqui para acessá-lo.  Eu tenho um irmão que começou com uma galinha e conseguiu várias vacas. Então, você pode começar com 1 real, não precisa ter muito para começar a investir.

É isso pessoal. Conte nos comentários quando vocês começaram a investir.

Abraços,
Cowboy Investidor

42 comentários :

  1. Bacana a sua história, Cowboy!!
    Começei a investir mais tarde, quando ainda era estagiário e recebi o valor da bolsa de R$ 130,00, abri uma conta poupança e depositei R$ 50,00.
    Desde então não parei mais.
    Sucesso e ótimos investimentos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá PnB,

      Muito bem, começou investindo uma boa porcentagem. Parabéns!

      Excluir
  2. Legal cara! Sempre tive o perfil de poupador, mas o erro é que nunca investia. Ou seja, poupava poupava poupava e compra o que eu queria, o dinheiro ia embora. Só comecei a virar o jogo ano passado, conhecendo os blogs, youtubers, etc. Comecei no tesouro e já estou nas ações, antes tarde do que nunca, rs. Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá AR,

      Pelo menos você poupava, e isso já um grande começo. Agora a tendência é só aumentar o patrimônio e conhecimento sobre investimentos.

      Abraços.

      Excluir
    2. Esse também sempre foi meu problema, AR. Apesar de não fazer dívidas, juntava a grana e gastava.

      Ainda hoje guardo um pouco disso, conforme relatei na atualização deste mês (aquisição de um carro).

      Eu creio que é melhor fazer pequenas mudanças permanentes que grandes mudanças efêmeras.

      Agora nem passa pela minha cabeça gastar todo meu patrimônio. E vamos à luta para a recuperação!

      Excluir
  3. Comecei guardando dinheiro. Lembro que tinha uma carteira daquele "dinossauros" (que passava na globo a familia dinossauros). Eu guardava meu dinheiro tudo na carteira. Além disso, quando morei fora, eu e meus irmaos tínhamos um cofre cheio de moedas. Depois de 2 anos juntando, lembro que compramos vários jogos do N64, controles e tudo mais. Após juntar para comprar meu carro, comecei a investir no tesouro. Atualmente tenho mais grana investida nos FII e criptomoedas. Agora falta ações. Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gari,

      Legal, começou cedo também. Agora é só aumentar o patrimônio ao longo dos anos.

      Abraços.

      Excluir
  4. Também sou da roça, hoje pago por não ter aproveitado as oportunidades que tive quando criança, adolescente e até messo jovem. Quando fiz 15 anos meu pai me deu de presente 4 novilhotas, coisa mais linda do mundo,uma delas morreu, mas as outras chegaram a dar cria, segurei elas por mais tempo por insistência do meu pai, no final lembro que ultima coisa que fiz com elas foi comprar um aparelho de som 3 em 1 e tirar carteira de motorista.
    Meu pai me deu uma puta oportunidade de ganhar grana aos 15 anos de idade e eu joguei fora, simples assim.
    Fora o fato de não ter aproveitado para plantar alguma coisa nas terras do meu pai e ir fazendo meu patrimônio.
    Uma lástima, culpa unicamente minha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Falido.

      Você perdeu uma boa oportunidade mesmo. Vender vacas para comprar som é complicado. Eu só vendi meu gado para me manter quando eu estudava. Realmente dava para aproveitar da terra de seu pai e aumentar o patrimônio. Com a pouca oportunidade que tive eu aproveitei.

      Abraços.

      Excluir
  5. Fala Cowboy!

    Começou realmente cedo hein! legal. Eu como conto lá no blog, também comecei cedo. Não foi com 6, mas já tinha noção aos meus 15 anos. Porém investir, investir mesmo só aos 20 na velha poupança. E com ela veio meu curso superior.

    Esta parte do texto "é possível investir com pouco e que no longo prazo o patrimônio tende a ser grande" casa com o estudo que publiquei ontem. Afinal, se a pessoa guardar 100 reais todo mês e ano a ano corrigir o aporte pela inflação, em 8 anos em 8 anos pode ter mais de 30k em patrimônio.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá II,

      Legal, eu li sua história. Quando a gente começa cedo a tendência é melhorar no longo prazo.

      Tinha esquecido do seu post, vou "linka-lo" aqui nessa postagem.

      Agraços.

      Excluir
  6. Era fumicultor no interior no RS. Meu primeiro "investimento" foi recolher as folhas de tabaco que meu pai deixava na lavoura pois era difícil coletar. Eu coletava, processava e vendia junto com o do meu pai e assim consegui meus primeiros 500 reais. Com 150 reais em 1995 comprei minha primeira bicicleta, o restante foi para a poupança! E tem gente que desce a lenha no fumo/tabaco mas é o que sustenta milhares de famílias. Concordo com voce Cawboy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Anônimo.

      Você foi esperto desde novo. Parabéns!
      O povo tem que colocar na cabeça que os fumantes nunca irão acabar. Muitos países tem como o tabaco um dos seus principais colaboradores do PIB.

      Obs.: Eu não fumo.

      Abraços.

      Excluir
  7. Comecei com poupança depois fundos de banco, ações, FII

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal Egbert. Você só foi evoluindo com os tipos de investimentos.

      Abraços.

      Excluir
  8. Bela história, Cowboy. Acho que meu primeiro "investimento" foi uma caixa de engraxate, a qual comprei com a grana que juntei vendendo picolés e salgados.

    Logo me desfiz da caixa, pois eu era um engraxate ruim e o mercado era competitivo. kkk

    Após isso, comecei a trabalhar em comércio (isso com uns 12 anos) e guardava boa parte do salário. Comprei alguns video-games (game boy, SNES e PS1). Quanto terminei o ensino médio, me desfiz de tudo e vim para a cidade grande tentar a sorte (o resto da história conto na publicação "não é uma vida ruim, apenas um momento difícil").

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O dinheiro do salário eu guardava na poupança da minha mãe, abrir conta na minha cidade era muito complicado. Só fui ter conta no meu nome com 18 anos.

      Excluir
    2. Olá IC,

      Bom começo o seu. Também já vendi chup-chup.
      Parece que a maioria dos meninos juntavam dinheiro para comprar vídeo-games. Tive a sorte de não ser muito fã de jogos.

      Eu li sua postagem. Você deu a volta por cima.

      Abraços.

      Excluir
  9. Olá Cowboy Investidor,

    Meu primeiro investimento, ou nesse caso "empreendimento", foi gravar animes em CD's e vender no colégio. A ideia era até boa, mas o gravador do meu amigo mais riscava o CD que gravava, não deu muito certo.

    Poderia adicionar meu blog em sua lista? https://economistavisual.com/

    Agradeço, abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá EV,

      Legal esse empreendimento. Muita gente já ganhou dinheiro desse jeito.

      Sim, vou adicionar.

      Abraços.

      Excluir
  10. o meu foi a poupança, quando era moleque, juntava o dinheiro que ganhava de presente de aniversário, bom princípio de ano novo. até que tinha um trocado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá VR,

      Na maioria das vezes o primeiro investimento foi a poupança, antes disse que era boa. Você era uma criança esperta. Parabéns!

      Abraços.

      Excluir
  11. Seu post me inspirou a ir atrás do meu primeiro investimento em bolsa, acho que foi a uns 20 anos atrás e através do Banco do Brasil, na época não tinha Home Broker (ou se tinha eu desconhecia), assinei uns papéis com a gerente e comprei ações que nem me lembro mais de que empresa era. Infelizmente o site da B3 não permite pesquisar antes de 2016, isso deve ter sido em 1998... fiquei curioso para saber oq eu comprei na época e quanto valeria hoje. Só sei que depois disso vendi (provavelmente com prejuízo) e só voltei a investir depois da popularização dos Home Brokers, no caso com a Wintrade. Vou insistir mais um pouco na pesquisa e ver se aparece nas minha declarações antigas de imposto de renda.

    Sr. IF365

    Blog do Sr.IF365 | Acompanhe meus últimos 365 dias antes da IF e Aposentadoria Antecipada
    www.srif365.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Sr.IF365,

      Nessa época era bem difícil investir na bolsa. Imagine se fosse assim hoje, quase ninguém investia na bolsa. O HB ajuda muito. A facilidade é enorme, o povo só não investe porque não quer.

      Abraços.

      Excluir
  12. Já comecei, já parei, já quebrei, e estou de volta. Enfim, foram muitas emoções...

    https://investiremdisciplina.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá IeD,

      Pois é, eu também já fiquei sem nenhuma grana no bolso, mas a gente supera isso.

      Abraços.

      Excluir
  13. Fala Cowboy!

    Meu primeiro "investimento" foi uma caderneta de poupança do Banco Nacional, em 1986. A "carteirinha" vinha com a imagem do Ayrton Senna e no verso, um papel cartão com linhas para a gente marcar os depósitos e rendimentos. Para isso, tínhamos que ir ao banco e lá mesmo, a cada depósito, o funcionário via o saldo atual em um calhamaço de folhas enormes listradinhas e anotava tudo na minha carteirinha hehe.

    Uma pena que, apesar de começar cedo, não aprendi a continuar. Fiquei investindo e gastando até o ano 2000, onde eu consegui até ter um patrimônio negativo rsrs.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá André,

      Faz um tempinho. Tinha 1 ano de idade nessa época. Essa carteirinha era até interessante.
      O bom que você aprendeu e hoje está vivendo a IF.

      Abraços.

      Excluir
  14. Fala Cowboy!

    Meu primeiro investimento foi na poupança por volta de 2011, quando comecei a trabalhar de verdade. Mas sempre gastava.

    Agora, em relação a focar na IF(embora que na época ainda não tinha muita noção disso, não conhecia os blogs e etcs), o meu primeiro investimento foi: 19/11/2015 – 75,00, no TD, tenho registrado até hoje. haha

    Abraços e sucesso!

    Abraços e sucesso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá SB.

      Pela sua idade você começou bem novo.
      Bom demais, meu primeiro investimento em TD foi em 2015 também.

      Abraços.

      Excluir
  15. Olá Cowboy,

    Meu primeiro investimento foi em fundo de renda fixa, quando comecei a trabalhar após ter me formado.

    Juntei o suficiente nesta aplicação para comprar bezerros! Também tenho meu pé na roça. Facilitou ter "herdado" a infra-estrutura para manter os bezerros.

    Abçs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá II,

      Legal saber que você também tem o pé na roça.
      Pois é, quando tem pastos isso ajuda muito. Na roça o investimento é muito alto para ter uma infra-estrutura boa, por isso que muitos desistem.

      Abraços.

      Excluir
  16. Olá cowboy. O meu primeiro investimento foi uma poupança que meu pai abriu, as vezes ele me dava um dinheiro, pouca coisa, colocava lá...sei que essa poupança me ajudou depois de muitos anos a comprar meu primeiro carro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá BF,

      Muito bom. Bom que nós aproveitamos as oportunidades. Muita gente tem e não aproveitam e depois ficam chorando por aí.

      Abraços.

      Excluir
  17. Meu primeiro investimento foram os livros que comprei na infância, enquanto meus amigos gastavam a mesada apenas com brinquedos e afins.

    Eu também tinha brinquedos, óbvio. Mas percebi desde cedo que aquelas folhas com letras impressas eram a porta para um mundo novo.

    E graças a esta minha primeira escolha, vieram outras em seguida ... e a minha vida tomou um rumo diferente da maioria dos meus colegas de infância.

    Um forte abraço meu caro!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá TR,

      Você já era uma criança esperta. Quando eu era criança e boa parte da minha idade adulta não me interessava por livros.

      Abraços.

      Excluir
  18. Eu sempre fui poupador, mas investia errado somente em poupança !!! se soubesse como poupar desde o começo, creio que estaria com um patrimonio um pouquinho maior que hoje, mas o importante é que eu tive consciência né? quantos por aí não estão nem aí!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá SP,

      Mesmo investindo na poupança já está sendo a maioria. Com o tempo a gente aprende e isso você já está fazendo. Seu patrimônio é bom pela sua idade.

      Abraços.

      Excluir
  19. Comecei já velho, e foi na poupança. hoje já não tenho nada na poupança, tudo em acções, fundos e criptmoedas. estou pensando em entrar no cambio(forex).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lord,

      O importante é que você abriu os olhos e começou a investir, tem gente que morre e nunca poupou e nem investiu em nada. Parabéns!

      Abraços.

      Excluir
  20. Fugindo do óbvio que foi a poupança, em 2005 eu Investi em fundo de ações o ofertados pela CEF com um misto de dinheiro recebido dos meus avós mais o que eu acumulara com o primeiro emprego.

    Esqueci do assunto por um ano e foi uma grata surpresa, o fundo da Vale tinha subido 50%, o da Petri uns 35% e o terceiro e quarto cerca de 20%. Foi uma grata surpresa....

    Em 2006 entrei em ações, 2007 ganhava fácil com a farra dos IPOS, inclusive o saudoso ipo da bovespa que flipei na abertura e me rendeu 40%.

    Ai veio 2008 e o resto todo mundo imagina rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Animal,

      Você foi feliz nesse investimento. Nessa época nem pensava em investir em bolsa. Aliás nem dinheiro tinha. Estava na faculdade e quebrado.

      Pois é, em 2008 teve uma sangria.

      Abraços.

      Excluir